terça-feira , 26 setembro 2017

Home » Fotos » Novos cortes anunciados pelo governo

Novos cortes anunciados pelo governo

Temos que discutir o significado da democracia, diz ex-presidente Lula

Na última segunda-feira (14), em reunião na Secretaria de Relações do Trabalho (SRT), a Condsef reportou ao Ministério do Planejamento todos os reflexos negativos imediatos que o anúncio de novos cortes no orçamento de 2016 provocou na maioria dos servidores do Executivo. Novas assembleias deverão acontecer em todo o Brasil para definir qual será a resposta da categoria a mais esse recuo do governo em relação ao processo de negociações que volta a ter um impasse. Hoje, às 18h30, a Condsef participa de uma reunião do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasef) na sede do Andes-SN, em Brasília. As mais de 20 entidades representativas dos servidores vão discutir esse cenário e debater as ações que devem ser tomadas pelos servidores diante das medidas anunciadas e que fragilizam ainda mais os serviços prestados à população. Os novos cortes no orçamento de 2016 podem trazer consequências devastadoras para o setor público. A imposição de arrocho que o governo apresenta aos servidores do Executivo, postergando reposição da inflação de 2016 somente a partir de agosto do próximo ano, e que deve “economizar” R$7 bilhões do orçamento, é apenas uma das fases perversas das medidas anunciadas. Somados à suspensão de concursos públicos e ao fim do chamado abono de permanência esses ajustes podem provocar um colapso no atendimento à população que depende de serviços públicos. Se já existem deficiências nesse atendimento por falta de pessoal e condições inadequadas de trabalho, o fim do abono de permanência retira mais de 100 mil servidores do Executivo. Assim, o Estado abre mão de trabalhadores qualificados e com grande experiência, importantes para manter o mínimo dos serviços essenciais em funcionamento, incluindo saúde e educação.

Novos cortes anunciados pelo governo Reviewed by on . Na última segunda-feira (14), em reunião na Secretaria de Relações do Trabalho (SRT), a Condsef reportou ao Ministério do Planejamento todos os reflexos negativ Na última segunda-feira (14), em reunião na Secretaria de Relações do Trabalho (SRT), a Condsef reportou ao Ministério do Planejamento todos os reflexos negativ Rating: 0

Deixe um comentário