segunda-feira , 15 outubro 2018

Home » Notícias » Destaque » Governo pode adiar aumento dos servidores públicos para economizar, mas STF segue discutindo seu reajuste salarial

Governo pode adiar aumento dos servidores públicos para economizar, mas STF segue discutindo seu reajuste salarial

08/08/2018

Pode ser complicado de entender, mas no mesmo momento em que Governo de Michel Temer está analisando adiar o aumento para todos os servidores públicos do país com a justificativa de gerar uma economia de R$ 11 bilhões [se valer para todo funcionalismo],  o Supremo Tribunal Federal (STF) deve passar a discutir o reajuste salarial para seus ministros a partir desta quarta-feira (8).

Em uma reunião administrativa agendada para hoje, os ministros do STF vão discutir o reajuste salarial para o Judiciário. Uma ala do tribunal defende aumento de 16,38% no salário dos ministros, atualmente de R$ 33,763 mil. Subindo o salário dos juízes, haverá um efeito cascata em todo Judiciário, o que terá impacto nos gastos na casa de R$ 700 milhões.

A discussão dentro do STF vem no momento em que a equipe econômica do governo de Michel Temer (PMDB) define a montagem da proposta de Orçamento da União de 2019.

De acordo com a equipe econômica do Governo Federal, enquanto não forem aprovados os corte de incentivos e reforma da Previdência, a saída seria adotar ações como o adiamento do reajuste dos servidores.

Escrito por : Mariana Duarte
Fonte : Com informações do G1
Governo pode adiar aumento dos servidores públicos para economizar, mas STF segue discutindo seu reajuste salarial Reviewed by on . 08/08/2018 Pode ser complicado de entender, mas no mesmo momento em que Governo de Michel Temer está analisando adiar o aumento para todos os servidores público 08/08/2018 Pode ser complicado de entender, mas no mesmo momento em que Governo de Michel Temer está analisando adiar o aumento para todos os servidores público Rating: 0

Deixe um comentário